terça-feira, 21 de agosto de 2012

Será?

Aii... tão difícil!
É tão difícil... o que mais me impressiona é como algumas palavras magoam, pra pessoas que não se importam, é essa inconstância que me mata, que me sufoca! Hoje eu escutei uma coisa que me fez pensar, só se decepciona quem espera muito de alguém, então será que a resposta é não esperar nada? Não planejar nada? Aii, to tão triste, fiz um monte de planos hoje, acordei tão bem, já estava tudo direitinho... e por umas palavras aparentemente sem importância pra uns, me cortaram o coração... juro que fiquei sem chão, ou to muito sensível ou é pior do q eu to pensando. Não quero errar denovo, não quero chorar denovo, eu me sinto como uma mola comprimida e o que me resta é escrever aqui pra desabafar (graças a Deus)...
Tem coisas que ficam ardendo na gargânta!


Cantei muito nessa nessa música hoje e por uns instantes ela perdeu um pouco o sentido...

Eu quero a sorte de um amor tranquilo
Com sabor de fruta mordida
Nós na batida, no embalo da rede
Matando a sede na saliva
Ser teu pão, ser tua comida
Todo o amor que houver nessa vida
E algum trocado pra dar garantia

E ser artista no nosso convívio
Pelo inferno e céu de todo dia
Pra poesia que a gente não vive
Transformar o tédio em melodia
Ser teu pão, ser tua comida
Todo o amor que houver nessa vida
E algum veneno anti-monotonia

E se eu achar a sua fonte escondida
Te alcance em cheio o mel e a ferida
E o corpo inteiro feito um furacão
Boca, nuca, mão, e a tua mente, não
Ser teu pão, ser tua comida
Todo o amor que houver nessa vida
E algum remédio que me dê alegria

A procura da FELICIDADE né... rs

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Cont.. Ahhh!


Gente, to surtando!!!!!!!
Precisava urgente do meu blog, do meu espaço, do meu canto!!!!
Tantas coisas acontecendo, vou casar! É vou casar, vê se pode! E to muito feliz, mas... e o medo?! Ahh, medo de sair do ovo, dos problemas superarem o amor e dos afazeres domésticos... puta que pariu, os afazeres domésticos! Nãooo, não diz que é coisa só de Mulher... todo mundo me fala que vou entrar pelo cano se acho que depois do casamento tudo vai ser diferente, que homem é acomodado mesmo e pronto e melhor eu me acostumar. Não vou me acostumar nunca! e é melhor ele saber disso, deixar bem claro pra não ter erro. Os planejamentos são uma delícia, pena que to mais sozinha do que acompanhada pra isso, será que to começando bem?! Espero que dê tudo certo e eu saia bem dessa.... ou melhor ENTRE bem nessa!

*Saravá*

Ta osso!!!!

Sabe quando você está "AAAAHHHHH". É, sou eu hoje!
Ultimamente tanta coisa tem me chateado, nossa... parece até uma maré.
CRÉDO! Nem vou dizer que preciso me benzer.... pois não preciso!
Será mesmo o Inferno Astral???!!! Puts, sem paciência nenhuma.
O melhor daqui é poder escrever pra mim mesma e não ter que ver expressões de rejeição, aqui ninguém me atrapalha... é mãe, padrasto, chefe, pai, irmão, casa, periquito, papagaio ahhh não é possível!
Esperando anciosamente Setembro, quem sabe essa agonia fica em Agosto.  Faz tempo que não relaxo, que não chego em casa de boa, que não me curto, que não sinto amigos por perto, amigos ahhh nem sei o que é isso. São tantas exclamações, reclamações!!!!!
...
Ó, até me falta inspiração....pelo menos disso tudo tem uma coisa boa, dormir de conchinha e esquecer por breves momentos dessa loucura toda, é uma fuga muito boa, que graças a Deus vai muito bem!